Governo incinera mais de 14 toneladas de drogas apreendidas em MS

Correio do Estado – Campo Grande/MS

Drogas foram apreendidas em operações policiais realizadas no Estado

Incineração teve presença do governador Reinaldo Azambuja

O Governo do Estado incinerou, nesta segunda-feira (30), mais de 14 toneladas de drogas apreendidas em operações policiais. A queima de drogas aconteceu em Maracaju.

Entorpecentes como maconha, cocaína, crack e sintéticos como ecstasy e LSD, que foram tirados de circulação na área urbana da cidade pela Polícia Civil e Polícia Militar e na área rural e estradas, pela Polícia Rodoviária Federal, Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e Polícia Militar Rodoviária Estadual, responsável por grande maioria das apreensões realizadas na região.

Presente no ato de incineração, o Delegado-Geral da Polícia Civil, Roberval Maurício Cardoso Rodrigues disse que a grande quantidade de drogas incineradas em Maracaju é resultado da integração entre as polícias e esforço de cada um dos policiais. “O resultado da integração são prisões de traficantes de alta periculosidade e grandes apreensões, prova disso é essa quantidade de drogas incineradas, que mostram que a união de esforços só traz benefícios”, afirmou.

Amylcar Eduardo Romero, delegado titular da Polícia Civil em Maracaju, lembrou que a luta contra as drogas tem duas vertentes que são a repressão e a prevenção, e que as forças policiais trabalham com empenho nelas.

Anúncios

Sobre Clínica Alamedas

A dependência química está relacionada a diversas questões, seja no aspecto psicológico, biológico, social, econômico ou cultural de toda a família e pessoas ao redor do paciente. A clínica Alamedas possui uma estrutura completa com profissionais competentes e experientes para ajudar cada paciente e a sua família a superar a dependência química, com qualidade de vida e saúde.
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.