Adolescentes e Maconha

por: Padre Haroldo Rahm

Os adolescentes de hoje passaram a ver a maconha menos perigosa do que antes, o que não é verdade. Atualmente ela é ainda mais potente e viciante.

No ensino médio, da 5ª série ao 3° colegial, há um dramático aumento no consumo de drogas. Nossos filhos encontram jovens bebendo, fumando e usando drogas e o seu filho pode querer impressionar, tentando imitá-lo. Por isso o seu envolvimento é muito necessário para ajudá-lo a fazer boas escolhas. Os pais precisam conhecer esses amigos, o que eles fazem, os seus costumes e interesses. Se perceberem que ele está interessado por amigos com maus hábitos, devem intervir, procurar conhecer os pais desses amigos. Esses são detalhes importantes que podem ajudar a minimizar os riscos de surpresas desagradáveis. Desta maneira começa o “Amor-Exigente”.

Nessa fase da escola é que eles são facilmente influenciados pelos amigos e atraídos pelo perigo das drogas. É a fase em que eles estão querendo ser independentes e as mudanças no corpo estão acontecendo. Existe uma luta interna para descobrirem quem são e eles querem firmar sua identidade na família e na sociedade. Costumam viver momentos conflituosos e confusos, trazendo-lhes desafios. É um tempo de transição, de conquista de um espaço na família e no mundo exterior. Ocorrem novos tipos de amizades e o desabrochar da sexualidade. É muitas vezes um tempo de ansiedade, recuo, expectativa, medo, excitação em face do desconhecido, o crescimento acontecendo mais rápido, os limites sendo experimentados, os princípios questionados. A preocupação exagerada: “Quem sou eu?” e a importância que eles dão para a própria imagem é muitas vezes o que leva os adolescentes a experimentarem o álcool, o cigarro, a maconha e as outras drogas.

Nove entre dez adolescentes dizem que, se quiserem, podem encontrar a maconha em qualquer lugar.

Vamos ajudá-los a encontrar caminhos válidos para lidar com seus conflitos e desafios e mostrar a importância de construírem a verdadeira imagem em qualquer meio em que vivam!

“Que minha alma seja guiada pelo único Mestre que realmente sabe o que é melhor para mim.”
www.amorexigente.org.br
fone/fax: (19) 3252-2630

Anúncios

Sobre Clínica Alamedas

A dependência química está relacionada a diversas questões, seja no aspecto psicológico, biológico, social, econômico ou cultural de toda a família e pessoas ao redor do paciente. A clínica Alamedas possui uma estrutura completa com profissionais competentes e experientes para ajudar cada paciente e a sua família a superar a dependência química, com qualidade de vida e saúde.
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.