Glória Vanique leva fama de radical por não beber durante a gestação

Do UOL, em São Paulo

A jornalista Glória Vanique virou madrinha da campanha #gravidezsemalcool

Aos sete meses e meio da gestação do primeiro filho, Benjamin, a jornalista Glória Vanique, apresentadora do “Bom Dia São Paulo” (Globo), revelou que tem fama de radical por ter parado de beber durante a gravidez.

Ela conta que até gosta de beber uma cerveja ou vinho com os amigos, esporadicamente, mas, desde que passou a ter a companhia do filho, decidiu parar com tudo, para garantir que ele não corra riscos desnecessários.

“Há quem diga que sou radical, que uma tacinha de vinho não faz mal, mas, pesquisando sobre o assunto, ouvi de muitos médicos que o feto demora duas vezes mais para eliminar o álcool do que a mãe, ou seja, quando a gente começa a ter aquela leve sensação do álcool no corpo, o bebê já está sentindo os efeitos faz tempo. Além disso, existem sequelas que ainda são estudadas, como parto prematuro e problemas na formação da criança.”

Por conta da sua decisão, Glória virou madrinha da campanha #gravidezsemalcool contra a SAF (Síndrome Alcoólica Fetal). O objetivo da campanha é conscientizar as futuras mães sobre o risco da ingestão de álcool durante a gestação, já que evidências médicas demonstram que um só gole pode acarretar problemas graves e irreversíveis ao bebê.

A SAF apresenta diversas manifestações, desde malformações congênitas faciais, neurológicas, cardíacas e renais. Baixo peso ao nascer e comprometimento do sistema nervoso central também fazem parte do quadro.

“Por que arriscar? São só nove meses. E vamos combinar, que deixar de ingerir álcool nesse período está longe de ser um sacrifício. Pelo contrário, basta pensar na formação do bebê, que depende muito do que a gente come e bebe ao longo da gestação. Por isso, na hora do encontro com os amigos, os sucos ou coquetéis sem álcool são uma boa pedida. Depois, a gente vai ter muito tempo para comemorar, ao lado de uma criança para lá de saudável”, afirma Glória.

Anúncios

Sobre Clínica Alamedas

A dependência química está relacionada a diversas questões, seja no aspecto psicológico, biológico, social, econômico ou cultural de toda a família e pessoas ao redor do paciente. A clínica Alamedas possui uma estrutura completa com profissionais competentes e experientes para ajudar cada paciente e a sua família a superar a dependência química, com qualidade de vida e saúde.
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.