Apreensões de drogas batem recorde e sobem 426% em cinco anos no Estado

Correio do Estado

De 2010 a 2015 houve salto de 52,6 mil quilos para 276,8 toneladas

MARIANE CHIANEZI

Estado é marcado pelas grandes apreensões de maconha
(Foto: Arquivo / Correio do Estado)

Dados da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) apontam que as apreensões de drogas bateram recorde em Mato Grosso do Sul e cresceram 426,2% de 2010 a 2015, tendo um salto de 52,6 mil quilos para 276,8 toneladas no período citado.

Somente na Capital, as apreensões de drogas passaram de 6,3 toneladas em 2010 para 28,5 mil quilos registrados ano passado. O recorde de apreensões em Campo Grande foi fechado em 2013, quando as polícias tiraram de circulação 54,8 toneladas de drogas.

O comandante da Polícia Militar Rodoviária, coronel Waldir Acosta Ribeiro, acredita que, unindo técnicas a inteligência, a polícia terá maior facilidade na identificação dos veículos que transportam as cargas antes que elas chegam as cidades. O uso de aplicativos que permitem a consulta de veículos e até identificam documentos falsos com apenas um clique, têm sido usado pelos homens do DOF, departamento que no qual, recebeu muitos investimentos em equipamentos e capacitações. O trabalho do DOF se aperfeiçoa com base nas informações recebidas pelo disque denuncia 0800-647-6300, número que, desde sua criação, recebeu mais de 300 mil ligações.

Todo o Estado conta com unidades da Polícia Militar, que atua na prevenção e da Polícia Civil, responsável pela repressão de crimes, entre eles o tráfico de drogas. Nos municípios que fazem fronteira com os países vizinhos, Paraguai e Bolívia, há o policiamento de recobrimento feito pelo Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e a Polícia Militar Rodoviária.

Anúncios

Sobre Clínica Alamedas

A dependência química está relacionada a diversas questões, seja no aspecto psicológico, biológico, social, econômico ou cultural de toda a família e pessoas ao redor do paciente. A clínica Alamedas possui uma estrutura completa com profissionais competentes e experientes para ajudar cada paciente e a sua família a superar a dependência química, com qualidade de vida e saúde.
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.