Especialização em Dependência Química – Presencial/Maceió

INSCRIÇÕES ABERTAS: CLIQUE AQUI

Coordenação Geral
Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira

Diretoria de Ensino
Prof Dr. Marcelo Ribeiro 
Prof Dr. Claudio Jerônimo da Silva 
Prof Dr. Sergio Duailibi

Coordenação do Curso
Profª Dra. Maria de Fátima Rato Padin

Concepção do curso:

O Curso de Especialização em Dependência Química da UNIAD confirma o crescente interesse profissional pela área dos transtornos relacionados ao uso de substâncias psicoativas. Ao longo de todos esses anos, não houve apenas um aumento da demanda pelo curso, mas também uma mudança significativa no perfil dos interessados: aos profissionais da saúde, juntaram-se educadores, advogados e administradores. Isso demonstra o quanto à questão das drogas permeia o cotidiano dos indivíduos e suas instituições, tornando necessária uma reflexão multidisciplinar acerca do tema.

Para atingir satisfatoriamente a todas essas demandas, o conteúdo do curso, possui uma sistematização e embasamento científico próprio. O primeiro módulo do curso, “Conceitos e diagnóstico clínico” está organizado fundamentalmente a partir do conceito de ‘síndrome de dependência do álcool’, desenvolvido no final dos anos setenta (Edwards & Gross, 1976). Tal conceitualização partia de três pressupostos básicos (Edwards & Gross, 2005): em primeiro, a dependência é considerada uma síndrome nosológica, ou seja, um agrupamento de sinais e sintomas que se repete com certa frequência em alguns usuários dessas substâncias, sem, no entanto haver uma causa única ou recorrente; em segundo, tal síndrome se organiza dentro de níveis de gravidade e não como um absoluto categórico; em terceiro, a síndrome de dependência é moldada por outras influências, capazes de predispor, potencializar ou bloquear sua manifestação. O conceito de síndrome de dependência e seus critérios diagnósticos serviram de base para a elaboração dos dois principais códigos psiquiátricos da atualidade: o CID-10 (OMS, 1993) e o DSM-IV (APA, 1994). O estudo dos conceitos da clínica das dependências conta ainda com as contribuições de Prochaska & DiClemente (1992) sobre os Estágios Motivacionais, bem como com o estudo das subculturas e o estudo da história natural do consumo de drogas – ambos partindo de diverso referenciais teóricos. O segundo módulo do curso, “Farmacologia e Neurobilogia” investiga o mecanismo de ação, os transtornos relacionados ao consumo e as complicações físicas e psíquicas, agudas e crônicas das principais substâncias psicoativas, com ênfase para a realidade e para os estudos brasileiros sobre o tema. Diversos artigos e capítulos de livro embasam o tema, tendo a Organização Mundial da Saúde como referência central (WHO, 2004). O terceiro módulo do curso, “Tratamento” encontra-se organizado a partir de três eixos fundamentais: modelos de atendimento; abordagens psicossociais e ambientes de tratamento. O material teórico desenvolvido pelo National Treatment Agency for Substance Misuse (NTA) / Department of Health (UK) e do Substance Abuse and Mental Health Services Administration (SAMHSA) (EUA) ocupam a maior parte da leitura. Por fim, o quarto módulo do curso, “Prevenção e Políticas Públicas” parte dos preceitos firmados pela Organização Mundial da Saúde e de teóricos como Thomas Babor e Griffith Edwards (Babor et al, 2003).

O Curso de Especialização em Dependência Química promove fundamentalmente debate e discussões orientadas a partir do conteúdo apresentado, ainda que a divergência possa surgir e saudavelmente permanecer após a compreensão de seus conceitos. Seu escopo passa longe das verdades absolutas, para se pautar na exposição de conceitos cientificamente embasados, visando a discussões que respeitem a diversidade inerente ao tema. O objetivo-maior do curso é a formação de especialistas em dependência química. Desse modo, os temas apresentados são problematizados sempre a partir da óptica profissional e não da experiência de pessoal. Isso lhe proporciona uma neutralidade mínima, por meio da qual o assunto poderá ser tratado com liberdade, impessoalidade e respeito mútuo.

Publico Alvo:

Psicólogos, médicos, enfermeiros, assistentes sociais, terapeutas ocupacionais, profissionais da área da saúde, com terceiro grau completo e diploma reconhecido pelo MEC. Que atuem no atendimento a pacientes ou familiares de dependentes de álcool, tabaco e outras drogas, além de profissionais envolvidos na elaboração de políticas relacionadas ao tratamento e a prevenção das dependências de álcool, tabaco e outras drogas.

Objetivos do Curso:

Geral:

  • Desenvolver um programa de capacitação profissional para avaliação e tratamento da dependência química;
  • Promover o debate informado sobre o tema a partir de evidências científicas;
  • Atualizar o corpo discente acerca das linhas de abordagens e tendências de política pública da área;
  • Estimular a construção de modelos de atenção e políticas públicas baseadas na multidisciplinaridade.

Específicos:

Programa Resumido:

Módulo I – Conceitos Fundamentais, Clínica da Dependência e História Natural do Consumo de Substâncias Psicoativas;

Módulo II – Neurobiologia e Farmacologia do Consumo de Substâncias Psicoativas;

Módulo III –  Modelos de Tratamento;

Módulo IV – Organização de Serviços, Estratégias de Prevenção e Políticas Públicas

Obrigatório:

–  Preenchimento da ficha de inscrição

–  Pagamento da taxa de inscrição (vide dados no edital)

–  Preenchimento da ficha de matricula

–  Pagamento da taxa de inscrição (vide dados no edital)

Pré-Requisitos:

Profissionais de Saúde (médicos, enfermeiros, terapeutas ocupacionais, odontólogos, psicólogos), Assistentes Sociais, Psicopedagogos e profissionais de nível superior que comprovadamente exerçam atividades relacionadas ao atendimento ou prevenção dos problemas relacionados à dependência química.

Disponibilidade de tempo de pelo menos 15 horas semanal para cumprir os requisitos do curso.

Disponibilidade para leitura de textos em inglês.

Rendimento:
O rendimento dos participantes do curso será avaliado considerando:

A frequência às aulas teóricas (mínimo de 75%).

A frequência aos seminários avançados aos sábados (mínimo de 75%) (requisito para aprovação)

Apresentação de caso clínico (requisito para aprovação)

Realização das provas de cada um dos módulos (nota mínima= 6,0) (80% da nota final)

Elaboração de monografia de conclusão do curso (20% da nota final).

Média de Aprovação = 6,0

Certificação

Os alunos aprovados receberão certificado de Especialização em Dependência Química pela UNIFESP / EPM (Parecer CES/CNE nº 339/02, Portaria nº 3287/02.), reconhecido pelo MEC.

Duração
12 meses para realização do curso

06 meses de orientação, preparo e entrega da monografia (TCC).

Totalizando 18 meses

Carga Horária: 400 horas

Datas:

Inscrição: até 16/11/2016 CLIQUE AQUI

Matricula: de 05/12/2016 à 14/12/2016

Período: de 13/01/2017 à 25/08/2018

Investimento:

Inscrição: R$150,00

Matricula: R$70,00

Mensalidade: R$750,00 (18 meses)

Procedimentos para realizar sua inscrição:

1 – Acessar o link: http://procdados.epm.br/dpd/Proex/asp/index.asp?page=INS&tipo=E&clss=D&fltr=&codc=2057&anoc=2017

2 – Realize seu cadastro e imprima a guia de pagamento da taxa referente à sua inscrição;

3 – Realize o pagamento dessa taxa (ATENTAR PARA O VENCIMENTO DO BOLETO – A UNIFESP NÃO EMITE 2ª VIA);

4 – Após a efetivação do pagamento da inscrição, enviar o comprovante juntamente com o currículo profissional para o e-mail: cursos@uniad.org.br. Com o seguinte assunto: “inscrição do curso – Maceió);

5 – Para confirmar sua inscrição, envie 2 cópias dos seguintes documentos para o endereço:

UNIAD – Cursos

Rua Borges Lagoa,570

8º andar cj 82

CEP 04038-000

Vila Clementino – SP

A/C Lia Galdino/Edelaine

Documentos que DEVEM SER AUTENTICADOS em cartório:

– 2 Cópias autenticadas do RG;

– 2 Cópias autenticadas do CPF;

– 2 Cópias autenticadas do título de eleitor;

– 2 Cópias autenticadas da frente e do verso do diploma do curso superior;

– 2 Cópias autenticadas da Carteira ou Protocolo do Órgão de Classe: (CRM, CREFITO, COREN, CRN, CRFa, CRP, etc.);

– 2 Cópias autenticadas da Certidão de Nascimento ou Casamento;

– 2 Cópias autenticadas do Histórico Escolar da Graduação (completo);

Documentos CÓPIA SIMPLES:

– 2 Cópias simples do Comprovante de pagamento da taxa de inscrição;

– 2 Cópias simples do comprovante de residência (endereço completo)

– 2 Cópias do Currículo

– 2 Cópias da carta do candidato explicando os motivos de interesse.

– 2 Foto 3×4

6 – Aguarde a análise do seu currículo, você será informado por e-mail sobre sua aprovação no processo seletivo.

7 – Após aprovação do currículo, imprima a guia de pagamento da matrícula e realize o pagamento dentro da data estipulada (ATENTAR PARA O VENCIMENTO DO BOLETO – A UNIFESP NÃO EMITE 2ª VIA).

8 –  Aguarde o contato inicial da UNIAD para receber as primeiras instruções do curso, por e-mail.

MAIORES INFORMAÇÕES

UNIAD – Cursos – Rua Borges Lagoa, 570 8º andar cj 82 – Vila Clementino – SP

Fone: (11)  5571-0493/5084-3001

LOCAL DO CURSO

ESMAL – Escola de Magistratura do Estado de Alagoas

Rua Cônego Machado, 1061

CEP: 57021-160 – Maceió – AL

Anúncios

Sobre Clínica Alamedas

A dependência química está relacionada a diversas questões, seja no aspecto psicológico, biológico, social, econômico ou cultural de toda a família e pessoas ao redor do paciente. A clínica Alamedas possui uma estrutura completa com profissionais competentes e experientes para ajudar cada paciente e a sua família a superar a dependência química, com qualidade de vida e saúde.
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.